Sete pontos

Avançado sou sinal de tráfego errado, vermelho sou parado, amarelo adoeço ansiado de um verde prometido e ensaiado. Um multado na ponta molhada de uma caneta azul, um tumulto noturno de sirene ao descanso hebdomadário. Notificado e sem recurso, recuso-me ao curso em desuso de honestamente admitir meu erro de não parar para que os outros passem, quero trânsito livre, arbitragem inativa, anarquia com distração gratuita.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O déspota solitário de Tallinn

Sal